google.com, pub-4979583935785984, DIRECT, f08c47fec0942fa0
top of page
  • Vinicius Monteiro

Sergio Crítica

Sergio Crítica crítica filme cinema longa-metragem crítica de filme crítica de cinema

Esse texto pode conter possíveis SPOILERS.

 

Sinopse: Baseado no livro "O homem que queria salvar o mundo", de Samantha Power e produzido pela Netflix, 'Sergio' relata a biografia de Sergio Vieira de Mello (Wagner Moura), diplomata brasileiro das Nações Unidas que morreu em Bagdá em 2003 durante um bombardeio à sede da ONU local.

 

Crítica: As intenções de 'Sergio' são puras, o filme é até agradável de assistir, ele mescla política, tragédia e romance, a grande questão é que ele não atinge o pico de nenhum desses gêneros deixando a história morna.

 

O filme não consegue emocionar como ele deveria fazer, mas faz um bom trabalho de pesquisa histórica do personagem. A diversidade do elenco também agrada, além disso, é muito legal assistir dois atores que não são americanos com papéis de destaque numa produção norte-americana.

 

A atuação de Wagner Moura, às vezes parece rígida e imponente, como se ele considerasse cada respiração, ele não está totalmente horrível, mas faltou mais naturalidade em sua atuação. Moura consegue trazer o modelo brilhante que Sergio foi, mas é muito mais difícil ver o homem por baixo.

 

Apesar de apoiar em valores familiares sobre a humanidade de Sergio, o filme não consegue emocionar. O filme ficou didático demais faltando emoção, mas ainda sim eu recomendo essa biografia, vale a pena darmos atenção a 'Sergio'.

 

Nota: 6




Comments


bottom of page