google.com, pub-4979583935785984, DIRECT, f08c47fec0942fa0
top of page
  • Vinicius Monteiro

Resenha: Um Dia sem Reclamar


Resenha Um Dia sem Reclamar
A proposta aqui é fazer o leitor praticar.

Esse texto pode conter possíveis SPOILERS.

Quantas vezes você reclamou de algo hoje? Já parou pra pensar como é difícil ser grato e como focamos muito mais a nossa atenção nos problemas e não nas soluções? Este livro lhe propõe o seguinte desafio: passe um dia sem reclamar. Segundo os autores, a principal função deste exercício é tornar-nos conscientes de que a ingratidão é o padrão natural do ser humano.

Davi Lago é mestre em Teoria do Direito pela Faculdade Mineira de Direito da PUC Minas, colunista da revista Veja e autor do TED Talk Poliphonic Brazil. Marcelo Galuppo é doutor em Filosofia do Direito pela UFMG. Atual presidente da Associação Brasileira de Filosofia do Direito e Filosofia Social (ABRAFI) e vice-presidente da Internationale Vereinigung für Rechtsund Sozialphilosophie (Associação Internacional para a Filosofia do Direito e a Filosofia Social). Foi Visiting Fellow da Escola de Direito da Universidade de Baltimore.

Reclamar é um comportamento fácil para nós, o cérebro humano foi programado para calcular todas as possibilidades e focar no que de ruim poderia acontecer, essa ação natural do nosso cérebro é chamado de "viés da negatividade". O problema é que, ao enxergar apenas o que há de negativo, é possível esquecermos que existem coisas boas também.

O livro 'Um Dia Sem Reclamar' propõe um exercício ao leitor que é passar um dia sem reclamar. Por meio das dificuldades em realizar a tarefa e da percepção da força do hábito, os autores Davi Lago e Marcelo Galuppo explicam o poder transformador da mudança de mentalidade.

A leitura é super rápida, para vocês terem uma noção eu li esse livro em um dia e durante o trabalho (para vocês verem que eu não faço muita coisa na hora do expediente rsrsrs...). A escrita do livro é simples, de fácil entendimento e dividida em muitos trechos curtos, deixando a leitura rápida.

Eu me surpreendi ao me deparar com alguns preceitos religiosos durante a leitura. Não imaginem que o tema seria abordado em alguns momentos com uma percepção cristã. Eu li na internet alguns comentários sobre isso e poucas pessoas acharam ruim disso, eu confesso que não atrapalha em nada, acreditando ou não na bíblia, a leitura é válida.

A proposta de 'Um Dia Sem Reclamar' é de fazer o leitor praticar, por isso eu achei que o livro carece de profundidade e fica na superficialidade. Há pouca profundidade no assunto em questão de teoria, tanto científica como psicológica. O livro também não tem um desenvolvimento muito satisfatório para mim, eu curto bastante teoria e aqui faltou bastante isso.

'Um Dia Sem Reclamar' não é um livro para se aprofundar no tema, ele é aquele livro simples e básico sobre gratidão e que deixa de lado a teoria para motivar o leitor a sair da zona de conforto e buscar por mudanças. 'Um Dia Sem Reclamar é básico, o típico livro motivacional para dar aquele gás na vida, mas com certeza não deixará você expert no assunto.

Nota 5

bottom of page