google.com, pub-4979583935785984, DIRECT, f08c47fec0942fa0
top of page
  • Vinicius Monteiro

Renfield: Dando o Sangue Pelo Chefe Crítica

Atualizado: 11 de mai.

Renfield: Dando o Sangue Pelo Chefe Crítica

Esse texto pode conter possíveis SPOILERS.

Sinopse: Renfield trabalha para o Conde Drácula. Mesmo devoto a seu patrão imortal, ele decide deixar seu posto de trabalho após se apaixonar.

Crítica: 'Renfield: Dando o Sangue Pelo Chefe', dirigido por Chris McKay, tem sequências de ação com grande número de corpos, comédia rápida e um herói improvável e socialmente desajeitado.

Esta comédia de terror, às vezes inteligente, escandalosamente sangrenta e violenta, é mais "John Wick” do que Tod Browning. Tudo nesse longa-metragem é apenas uma confusão tonal. Desenvolvido a partir do conceito do criador Robert Kirkman, do roteirista Ryan Ridley e do diretor Chris McKay, 'Renfield: Dando o Sangue Pelo Chefe' não é tipo de filme que você absorve por completo, ele funciona em suas partes separadas.

A violência gráfica com um tom pastelão talvez seja uma abreviação da depravação de Drácula, o humor significa que o impacto é rapidamente entorpecido, e o que poderia ter sido um filme charmoso se torna mais ou menos uma comédia, um terror, uma aventura policial ou um romance.

Os atores dão vida a personagens idiotas sem brilho atolados em um monte de subtramas sem importância. Nicholas Hoult não pretende copiar Dwight Frye, o ator reivindica o personagem como nas primeiras cenas, estabelecendo o conflito que será a força vital da produção. Awkwafina tem um papel sem humor e Nicolas Cage parece que se encontrou na loucura, aqui o ator espera pacientemente a sua vez de aparecer.

Apesar de todos os litros de sangue derramados, 'Renfield: Dando o Sangue Pelo Chefe' em partes é um pouco sem graça. O último terço do filme, em que Renfield e Rebecca estão fugindo - mais ou menos do Drácula, mais ou menos da polícia e mais ou menos da Máfia - é um fracasso.

Infelizmente, o filme tem muita coisa acontecendo e é incapaz de equilibrar todas elas. Nicholas Hoult e Nicolas Cage até conseguem elevar um pouco o filme, mas suas atuações não são suficientes para aumentar o potencial disso.

'Renfield: Dando o Sangue Pelo Chefe' parece que teve o seu potencial desperdiçado, tanto na história quanto no elenco. O que realmente temos é um filme que parece mal concebido e executado preguiçosamente. O filme não é horrível, mas agressivamente mediano.


Nota: 5



Comments


bottom of page