google.com, pub-4979583935785984, DIRECT, f08c47fec0942fa0
top of page
  • Vinicius Monteiro

Para Todos os Garotos: Agora e para Sempre Crítica

Para Todos os Garotos: Agora e para Sempre Crítica

Esse texto pode conter possíveis SPOILERS.

 

Sinopse: Lara Jean (Lana Condor) está bastante ansiosa em seu último ano do ensino médio para estudar junto com seu namorado, Peter (Noah Centineo), na Universidade da Virgínia. Peter foi aceito anteriormente ao ganhar uma bolsa de estudos devido à prática de esportes. Quando as cartas da universidade chegam, Lara Jean descobre que foi rejeitada.

 

Crítica: Seria difícil exagerar o quão simpáticos os filmes da Netflix 'Para Todos os Garotos' são. Elenco fofo, situações realistas, mensagens otimistas e a primeira afirmação do amor, exatamente o que uma comédia romântica adolescente deve ser. O terceiro filme da trilogia é igualmente simpático e fofo, mostra alguns momentos de nó na garganta e uma visão colorida do ensino médio, uma viagem legal para Nova York, férias de primavera com a família para Seul, baile, casamento e formatura.

 

'Para Todos os Garotos: Agora e para Sempre' possui toda a gradação de cores estilo filtro do Instagram e conjuntos absurdamente bonitos que os fãs esperam, bem como uma trilha sonora de canções pop românticas adequadas. Se o seu objetivo é o conforto, não precisa procurar mais, aqui você encontra um bom entretenimento.

 

O maior problema do filme é que ele realmente não acrescenta nada refrescante ao confuso e exagerado conflito da trama. 'Para Todos os Garotos: Agora e para Sempre' consegue fazer com que ambas as escolhas parecem insossas e pouco atraentes. O suspense e conflito são prejudicados pelas resoluções fáceis, não há nenhuma tensão dramática real aqui.

 

O relacionamento de Peter e Lara Jean é mais forte e saudável, mas não significa que seja atraente de assistir. Os momentos de conflito estranhamente fabricados realmente não justificam a sua permanência juntos. A maioria de suas cenas juntos são brutalmente piegas, metade delas incorporando algum reconhecimento de quão fofos eles são. A química entre Lana Condor e Noah Centineo também está prejudicada, não é como nos filmes anteriores.

 

Uma das coisas que me frustrou nesse filme é que não é possível ter uma noção do que Lara Jean quer da NYU. Se o filme reforçasse a vida interior de Lara Jean, o conflito seria mais rico e realmente o longa valeria a pena. Em vez de se concentrar em como ela descobre suas paixões e objetivos, enquanto luta para descobrir o que isso significa em um mundo onde Peter não está.

 

O filme é esperançoso e positivo demais. O longa começa com uma viagem para Seul em família, temos um casamento super alegre, viajamos para Nova York e temos mais festas, um baile e formatura, todos estão alegres, tudo está dando certo, os poucos problemas que surgem são perdoados e resolvidos rapidamente. O grande problema desse terceiro filme, foi largar a atmosfera real dos outros filmes e trazer quase que um conto de fadas.

 

O filme entende como o primeiro amor pode ser desgastante, como a formatura é agridoce, como é assustador escolher o próprio caminho. O longa pensou cuidadosamente sobre como resolver os problemas, não tem o mesmo coração e não vive na mesma realidade que os dois primeiros filmes, trazendo algo muito robótico e artificial. 'Para Todos os Garotos: Agora e para Sempre' é enjoativo e você não sente vontade de torcer por nada que o filme oferece.

 

Nota: 5


Compre o box capa comum aqui.



Комментарии


bottom of page