google.com, pub-4979583935785984, DIRECT, f08c47fec0942fa0
top of page
  • Vinicius Monteiro

O Touro Ferdinando Resenha

O Touro Ferdinando Resenha

Esse texto pode conter possíveis SPOILERS.

 

Sinopse: O livro infantil conta a história do touro Ferdinando, que prefere cheirar as flores ao invés de lutar em touradas.

 

Resenha: "O Touro Ferdinando" é uma obra de 1936 do autor norte-americano Munro Leaf e ilustrada por Robert Lawson. Após a Guerra Civil Espanhola, a obra literária passou a ser vista como tendo uma agenda política. Durante a Segunda Guerra Mundial, o Auxiliar de Transporte Aéreo Britânico começou a voar para a Europa após o Dia D e seus pilotos, que não eram combatentes, usaram "O Touro Ferdinando" como seu indicativo de chamada.

 

Todos assumiram que os touros gostam de touradas. Bem, não o pequeno Ferdinando. O touro prefere deitar-se com flores cheirosas do que bater cabeças com os outros touros. Mesmo quando Ferdinando se torna o maior e mais forte touro de todos, ele ainda prefere sentir o cheiro das flores.

 

"O Touro Ferdinando" foi o primeiro livro publicado pela Viking Press em 1936 vendeu 14.000 cópias. No ano seguinte, as vendas aumentaram para 68.000 em 1938, o livro estava vendendo a 3.000 por semana. Naquele ano, superou "... E o Vento Levou" e tornou-se o best-seller número um nos Estados Unidos.

 

"O Touro Ferdinando" é um lembrete comovente de que todos podemos encontrar a paz, mesmo em meio ao caos e ao conflito, é até absurdo, mas o livro infantil foi banido em muitos países devido à sua mensagem de não-violência e convivência pacífica. Na Alemanha nazista, Adolf Hitler ordenou que o livro fosse queimado (como "propaganda democrática degenerada").

 

Eu gostei muito das ilustrações de Robert Lawson elas são bem realistas, bem diferentes daquelas ilustrações fantasiosas que os livros infantis costumam trazer, mas ainda sim, traz um visual imaginativo e divertido.

 

A obra é uma inspiração por causa da maneira como destaca a importância de se manter fiel a si mesmo e às suas crenças, mesmo quando o mundo tenta puxá-lo em uma direção diferente. A história de Ferdinando é um testemunho do poder da paz e do amor, e nos lembra que temos a força para honrar nossa individualidade e buscar uma vida que nos traga a verdadeira felicidade.

 

Não tem como eu me prolongar muito nessa resenha, se não ela fica mais longa do que o próprio livro. É um clássico infantil divertido, emocionante, com uma mensagem poderosa. O livro é muito curto, lembrando que ele é para crianças muito pequenas, entre 4 até 6 anos mais ou menos.

 

"O Touro Ferdinando" foi adaptado em dois filmes; o curta de animação da Disney, "Ferdinand the Bull" de 1938 (que levou o Oscar de Melhor Curta-Metragem de Animação), e o longa-metragem de animação "Ferdinando", de 2017, da Blue Sky Studios.

 

Nota: 9


Comments


bottom of page