google.com, pub-4979583935785984, DIRECT, f08c47fec0942fa0
top of page
  • Vinicius Monteiro

Naruto 1° Temporada Crítica

Atualizado: 8 de set. de 2023


Naruto 1° Temporada Crítica

Esse texto pode conter possíveis SPOILERS.

Sinopse: 'Naruto' começou como uma série de mangá japonesa, escrita por Masashi Kishimoto, e foi adaptada como uma série de anime em 2002. A série segue as aventuras de Naruto Uzumaki, um jovem ninja da Vila Oculta da Folha, cujo sonho é ganhar o respeito e reconhecimento de seus pares e se tornar o Hokage da vila, o ninja mais poderoso que lidera a vila.

Crítica: Para quem acompanha animes estão acostumados a se deparar com cenas sexuais e sexualização (de personagens femininas principalmente) completamente desnecessários e sem propósito. Em 'Naruto' não há muito conteúdo ou conversa sexual, exceto por uma cena em seu primeiro episódio, quando Naruto executa seu jutsu sexy, mas eu achei interessante essa escolha de não pesar a mão da sexualidade como muitos animes fazem.

Assim como o mangá (para quem não acompanha o blog, tem resenhas do volumes por aqui) o anime é bem padrão do gênero, principalmente com os personagens e seus desenvolvimentos. Naruto pode ser um dos mais barulhentos e ingênuos, mas seu espírito inflexível o leva longe, mas o personagem é muito parecido com muitos por aí. Sasuke é muito frio e reservado, assim como muitos outros personagens, mas definitivamente é um dos personagens mais legais do anime, um dos mais intrigantes com certeza.

Sakura definitivamente pode ser irritantemente indefesa, o anime escapou um pouco do rótulo de uma série sexista e não a usa de maneira sexual, ela é muito responsável pelo humor em muitos momentos, mas ela é a típica personagem donzela que precisa ser defendida, e claro, tem um garoto para impressionar.


Os animes costumam ter bastante fillers, nessa primeira temporada não há muito, os fillers são mais espalhados durante cada episódio dando uma leve esticada na história. O ritmo nesses primeiros episódios tende a se arrastar, pois os pontos da trama são repetidos.


'Naruto' tem alguns problemas para estabelecer seu vocabulário, a sua história acontece em um mundo ricamente detalhado com muito espaço para exploração e desenvolvimento de personagens, mas a história às vezes é preciso ser pausada para alguém explicar algum armamento ou jutsu, isso deixou 'Naruto' em muito momentos didático demais, deixando alguns episódios bem chatos.

Eu achei o tom de 'Naruto' muito sério, mas a comédia pastelão e o humor funcionam bem quando dão as caras. A ação é frequentemente excelente, os personagens são sólidos e paisagens florestais particularmente belas.

O anime emprega muitas histórias de fundo e flashbacks que são eficazes, pois as próprias histórias são frequentemente bastante comoventes e reveladoras em termos de personagens, mas eu achei a dependência excessiva de flashbacks cansativa no final.

'Naruto' é o típico anime clichê do gênero Shonen. O anime tem sucesso ao tocar o coração do público com desafios psicológicos, físicos e sociais dos jovens shinobi e das vilas que eles são encarregados de ajudar. A temática ninja e seu universo é o que captura o público, pois de resto, o anime é o mais do mesmo. Naruto 1° Temporada Crítica

Nota: 5

Comprando com o meu link, você ajudará na permanência do meu trabalho.


bottom of page