google.com, pub-4979583935785984, DIRECT, f08c47fec0942fa0
top of page
  • Vinicius Monteiro

Como o Grinch Roubou o Natal Resenha

Atualizado: 18 de abr.

Como o Grinch Roubou o Natal Resenha

Esse texto pode conter possíveis SPOILERS.

 

Sinopse: O Grinch é uma criatura verde e peluda que detesta o Natal com todas as forças. Ele não suporta a felicidade dos Quem com suas festanças e banquetes, e resolve acabar com a festa de uma vez por todas. Mas talvez o Grinch perceba que o verdadeiro significado do Natal vai muito além de comemorações e presentes.

 

Resenha: O famoso personagem Grinch teve sua origem no best-seller instantâneo do Dr. Seuss, 'Como o Grinch Roubou o Natal', publicado em 1957. A adaptação para a TV de 1966 é um clássico, o filme live-action de 2000 e o filme de animação de 2018 nem tanto, embora cada um tenha faturado centenas de milhões de dólares. Uma versão musical chegou a Nova York em 2006, encerrando a sequência de quase dois anos de Wicked no topo das bilheterias da Broadway.


Sim, "você já viu esse filme antes". Todos nós sabemos a lição que o Grinch aprende. Eu já comentei em outras resenhas, mas para mim perde um pouco a graça de ler clássicos que já são muito adaptados pelas diversas mídias, mas tudo bem, a experiência de leitura desse clássico infantil foi legal.

 

As inimitáveis ilustrações de Dr. Seuss do cão do Grinch, Max, disfarçado de rena, são em preto e branco com toques de vermelho, poderiam receber mais cores. As ilustrações são meio patetas, e o Dr. Seuss têm um hábito irritante de fazer os personagens sorrirem em sua fala, mas para os pequenos a arte pode ser divertida.

 

A prosa do Dr. Seuss é soberba, rápida, e divertida, e sua rima e métrica são precisas. Eu achei o livro curto demais, mesmo se tratando de um livro infantil. 'Como o Grinch Roubou o Natal' merecia mais desenvolvimento, mais páginas, mais ilustrações e cores.

 

A história em si tem charme e é forte, mesmo sendo curta. A solidão do Grinch, levou-o a ser miserável, o que o fez ter inveja da felicidade alheia no Natal. Isso levou nosso antagonista a roubar todos os presentes e guloseimas dos habitantes de Whoville. A ironia criativa do poeta para fazer o Grinch se passar pelo Papai Noel em seu assalto para roubar o Natal foi apenas um pequeno toque inteligente que acrescentou ao tema do poema.

 

'Como o Grinch Roubou o Natal' consegue ir além. A natureza comunal das festas perde-se para a mercantilização e a superficialidade capitalistas. Este poema reflete sobre a verdadeira natureza do Natal, que não vem apenas dos presentes e da festa, mas da união e do amor.

 

Esse clássico infantil tem uma mensagem forte e maravilhosa. É um clássico, com uma mensagem mais atual do que nunca. Recomendo esse livro para as crianças bem pequenas, pois ele é bem infantil. Eu assisti tudo o que existe sobre o Grinch antes de ler o livro, a experiência acabou não sendo agradável, acho que para os adultos o livro funcionará pouco.

 

Eu recomendo vocês apresentarem aos seus filhos, primeiro o livro, depois deixá-los livres para curtir as adaptações. Os filmes são mais coloridos e dinâmicos do que o livro e o desinteresse pela obra literária pode ocorrer entre os baixinhos também. É uma história de natal maravilhosa que será difícil deixar de ser apreciada pelas próximas gerações.

 

Nota: 9


Comments


bottom of page