google.com, pub-4979583935785984, DIRECT, f08c47fec0942fa0
top of page
  • Vinicius Monteiro

102 Dálmatas (Live Action) Crítica

102 Dálmatas (Live Action) Crítica

Esse texto pode conter possíveis SPOILERS.

 

Sinopse: Após passar uma temporada na prisão, a vilã Cruela DeVil está de volta à ativa, mas desta vez regenerada, devido a um inovador tratamento por ela submetido na prisão. Entretanto, o tratamento se mostra sensível a ruídos agudos e quando Cruela ouve os sinos do Big Ben, retorna ao seu comportamento normal e, com a ajuda de um designer francês, mais uma vez busca raptar filhotes de dálmatas para conseguir fazer um exclusivo casaco. E para conseguir cumprir o plano a dupla já tem um alvo: um canil à beira da falência, cujo dono precisa desesperadamente de ajuda.

 

Crítica: '102 Dálmatas' é uma sequência que nunca deveria ter sido feita. Apesar de toda a sua fofura, o longa é muito monótono e estereotipado demais. Os bons personagens são retratados como corajosos e alegres, os maus rangem os dentes mais do que os cães.

 

O filme traz um problema em seu ritmo. '102 Dálmatas' parece cerca de trinta minutos mais longo mesmo tendo, ironicamente, apenas 101 minutos, ele simplesmente não é envolvente. Os adultos ficaram bem aborrecidos, já a intensidade de certas cenas provavelmente perturbará alguns pequenos por aí.

 

Glenn Close faz o que pode ser feito com o papel. Na verdade, ela faz mais do que pode ser feito. A icônica vilã é meramente uma dama enrolada em roupas excêntricas e extravagantes. Ela não apavora o suficiente, também não consegue ser engraçada o suficiente.

 

O filme é visualmente formidável. A casa de Cruella com suas salas secretas de armazenamento de peles e masmorras, o seu penteado metade preto e metade prateado, é em si uma maravilha, assim como suas unhas e sua maquiagem bizarra. '102 Dálmatas' é um filme feito com estilo.

 

Se há algo moderadamente engraçado nesse filme, é o personagem de Waddlesworth, ele é um papagaio que tem a ilusão de que é um Rottweiler. Podemos todos juntos concordar em uma coisa: quando você precisa de um papagaio para salvar um filme recheado de dálmatas, sabemos que estamos lhe dando com um grande problemas.

 

O primeiro filme dos dálmatas aparentemente inspiraram incontáveis ​​amantes de cães a adotar dálmatas, se '101' Dálmatas' ainda não o levou a adquirir um, esta sequência com certeza não o influenciará em sua tomada de decisão. '102 Dálmatas' visa agradar a criançada, mas seu ritmo é lento demais para os baixinhos inquietos, é difícil imaginar os pequenos prestando atenção ao filme.

 

Nota: 4



Comments


bottom of page